Abençoado como uma criança

 Marcos 10.13-14

“Em seguida, tomou as crianças nos braços, impôs-lhes as mãos e as abençoou.” Marcos 10:16

 

Na Palavra

O que é a benção de Deus? Tomaria muitos volumes para explorar as Suas multiformes bençãos. Mas Jesus nos dá algumas dicas de que formas elas tomarão e quem deverá recebê-las.
A benção de Deus é espiritual? Certamente que sim. Hé uma série de bem-aventuranças que nos falam sobre nossas bençãos em Mateus 5 e Lucas 6. E começa com o caráter que Deus trabalha dentro de nós, continua com Ele nos usando para abençoar os outros, e acaba no conhecimentoDele e a Herança de seu Reino. Dificuldade está envolvida, mas as bençãos são infinitamente maiores porque a principal benção é Ele mesmo.

Continue Lendo

Esperando em Deus

Atos 1.4-9

“Não saiam de Jerusalém, mas esperem pela promessa de meu pai, da qual lhes falei.” Atos 1:4

“... e serão minhas testemunhas...até os confins da Terra.” Atos 1:8

Na Palavra


Certas vezes, ser um discípulo é confuso. Jesus, em uma ocasião, pode dizer-nos para não levarmos bolsa, nem alforje (Lucas 10:4) e em outra ocasião, para levarmos uma bolsa e um alforje (Lucas 22:36). Nós ouvimos que não podemos ganhar a vida sem perdê-la, e não podemos nos tornar grandes sem ser servos. Os evangelhos estão repletos de paradoxos e instruções de contexto específico.

Continue Lendo

Uma Conformidade Abençoada

Lucas 6.27-36
“...Amai os vossos inimigos, fazei o bem aos que vos odeiam; bendizei aos que vos maldizem, orai pelos que vos caluniam.” Lucas 6:27-28

 

Na Palavra

Nós somos tentados a nos conformar a esse mundo em nossos relacionamentos com os outros, talvez mais do que em qualquer área de nossas vidas. Nos sentimos compelidos a responder aos outros como eles nos tratam. Quando somos ofendidos, nós ofendemos de volta – Ou pelo menos sentimos o ressentimento do insulto. Quando nos caluniam, cultivamos uma amargura por causa da experiência. E Jesus nunca fala que esses sentimentos não são genuínos ou legítimos. Em nenhum lugar o Salvador diz, “Não, vocês ainda nem foram insultados como pensam; Vocês não foram caluniados de verdade, é apenas impressão.”

Continue Lendo

Uma Autoridade Desconfortável

Lucas 6.46-49

“Por que me chamais ‘Senhor, Senhor,’ e não fazeis o que vos mando?" Lucas 6.46

 

Na Palavra

Quão frequentemente tentamos afirmar a autoridade de Cristo com o menor desconforto possível! Até incrédulos tem notado um curioso fenômeno: Muitos cristãos fazem muito pouco esforço para aplicar de fato os ensinos de Jesus para suas vidas. Nós lhe pedimos para nos salvar, mas talvez não esperamos que Ele nos transforme.
Nós o chamamos de “Senhor” mas simplesmente sabemos que ele não desafiaria o mais profundo do nosso coração. Nós achamos exeções para quase todos os seus comandos. “Ide por todo o mundo” (Marcos 16:15). Mas não LÁ, nós assumimos. “Amai os vossos inimigos” (Mateus 5:44). Mas não ELE, nós supomos. “...Todo aquele que dentre vós não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo” (Lucas 14:33). Mas certamente não TUDO realmente.

Continue Lendo

Falando e Fazendo

Lucas 6.46

“Por que me chamais ‘Senhor, Senhor,’ e não fazeis o que vos mando?"

 

Na Palavra

É uma pergunta penetrante. O Senhor, de toda a criação colocou o Seu dedo na inconsistência que existe em nossos corações. Há sempre uma discrepância entre o que falamos e o que cremos realmente. Para alguns de nós, é uma diferença muito ligeira; Para outros, é vasta. Para todos nós, “Senhor” não teve sempre significado o que deveria.

Deus tem um jeito de testar Sua autoridade em nossas vidas. É só perguntar a Abraão; a amarga caminhada ao topo da montanha em Moriá para sacrificar o seu único filho Isaque, foi o teste definitivo de autoridade. Como nós, Abraão conhecera anteriormente em sua vida o que era desconfiar de Deus. Desta vez ele passou no teste.

Continue Lendo

Mais Artigos...